domingo, 24 de dezembro de 2017

O Natal de Norman Rockwell

Norman Rockwell - Merry Christmas Grandma...We Came in Our New Plymouth! (Feliz Natal Vovó...Nós viemos no nosso novo Plymouth!), 1950 - óleo sobre tela


O Natal de Norman Rockwell


Norman Rockwell - Santa Reading His Mail, 1935 - óleo sobre tela


Norman Rockwell criou mais de 4.000 pinturas e ilustrações, incluindo 321 capas para The Saturday Evening Post. Suas obras icônicas definiram a identidade da nação americana por uma geração, com uma marca de imagens folclóricas, suaves, e brincalhonas, mas sempre reverentes. As pinturas podem parecer datadas hoje, mas os temas que exploram e os sentimentos que expressam são intemporais.


Norman Rockwell - Santa and his Elves, 1948 - óleo sobre tela


Norman Rockwell - Santa Consulting Globe, 1926 – ilustração


Rockwell refletiu e depois definiu uma visão idealizada da vida americana, particularmente durante os feriados. Ele ilustrou mitologias icônicas (Papai Noel preparando suas renas para o voo, famílias aparentemente perfeitas decorando suas árvores de Natal). E ele também nos deu cenas mais realistas (um funcionário cansado no departamento de brinquedos na véspera de Natal, e um garoto perturbado que descobre que o Papai Noel não é real). Sua obra incluiu 29 capas temáticas de Natal para o Saturday Evening Post, propagandas e muitos cartões de feriados.


Norman Rockwell - Santa on Ladder with Map, 1939 – ilustração


Norman Rockwell - Christmas Tree Topper


Refletindo as experiências compartilhadas que temos ao longo de nossas vidas, as pinturas de Norman Rockwell são verdadeiramente intemporais. Como o melhor contador de histórias, Rockwell transformou as experiências da vida cotidiana em obras de arte, nos fazendo não apenas relembrar um tempo mais simples, mas nos dando a esperança de que exista uma vida cheia de otimismo, esperança e felicidade.


Norman Rockwell - Santa's Surprise, 1949 - óleo sobre tela


Norman Rockwell - Little Girl looking downstairs at Christmas Party, 1964 - George Lucas collection


Norman Rockwell (Nova Iorque, 3 de fevereiro de 1894 — Stockbridge, Massachusetts, 8 de novembro de 1978) era muito popular nos Estados Unidos, especialmente em razão das 322 capas da revista The Saturday Evening Post que realizou durante mais de quatro décadas, e das ilustrações de cenas da vida americana nas pequenas cidades. Pintou os retratos dos presidentes Eisenhower, John Kennedy, Lyndon Johnson e Richard Nixon, assim como de outras importantes figuras mundiais. Um de seus últimos trabalhos foi o retrato da cantora Judy Garland, em 1969.


Norman Rockwell – The Discovery, 1956


Esse blog possui mais artigos sobre Norman Rockwell. Clique sobre esses links para ver:





Texto escrito e/ou traduzido e/ou adaptado ©Arteeblog - não copie esse artigo sem autorização desse blog, mas por favor o compartilhe, usando os ícones de compartilhamento para e-mail ou redes sociais. Obrigada.


Nenhum comentário:

Postar um comentário