terça-feira, 30 de setembro de 2014

Escultura gigante "The Meeting Place" - Paul Day

Escultura gigante "The Meeting Place" - Paul Day

Projetada pelo artista britânico Paul Day, evoca o romance de viagens através da representação de um casal em um abraço amoroso. Em bronze, com 9 m de altura e 20 toneladas. Na estação ferroviária St. Pancras em Londres, Inglaterra.






Em 2008, um friso em alto relevo foi foi adicionado à base do Meeting Place como parte de reformas em St Pancras, com imagens da história do metrô e do trem, representa pessoas fazendo fila nas plataformas ou viajando em carruagens, soldados partindo para a guerra, etc. 
Paul Day (nascido em 1967) é um escultor britânico. Suas esculturas em alto-relevo em terracota, resina e bronze têm sido amplamente expostas na Europa e seu trabalho é conhecido por sua abordagem incomum da perspectiva.








Paul Day estudou em escolas de arte no Reino Unido em Colchester e Dartington, completando sua formação em Cheltenham em 1991. Ele agora vive em um vilarejo perto de Dijon, na França, com sua esposa francesa, Catherine. Seu relacionamento anglo-francês é uma referência explícita e repetitiva em suas obras. The Meeting Place, é um abraço entre Paul e Catherine, como uma metáfora ao papel de St. Pancras como o terminal da ligação ferroviária entre a Inglaterra e a França.

Texto escrito e/ou traduzido e/ou adaptado ©Arteeblog - não copie esse artigo sem autorização desse blog, mas compartilhe usando os ícones de compartilhamento para e-mail ou redes sociais.


Nenhum comentário:

Postar um comentário